Category Archives: Acidentes

Recall de carrinhos de bebês


A lei de defesa do consumidor no Brasil já tem alguns anos, porém vêm aos poucos conscientizando tanto os consumidores quanto os fabricantes de diversos produtos.

Já está corriqueiro se ver recall de automóveis e até recentemente foi bastante noticiado o do carro STILO da FIAT.
Mas por esta ninguém esperava, que se anunciaria um recall de carrinhos de bebês.

Esta semana uma grande rede de supermercados, atuante no Brasil, anunciou um recall em carrinhos de bebês, que segundo se informa a dobradiça dos mesmos tem causado cortes nas mãos dos bebês.

É a lei de defesa do consumidor surtindo seus efeitos!

A lei seca faz aniversário de um ano

Já faz um ano de vigência em todo o Brasil da chamada “lei seca”, que penaliza os bêbados no volante. Realmente era necessária mais severidade, pois um veículo se transforma em uma arma na mão de pessoas irresponsáveis, colocando em risco muitas outras pessoas, além daquelas que estão no veículo com o irresponsável.
Mas será que a lei está sendo aplicada mesmo? Ou será que apenas os cidadãos comuns é que estão sujeitos a ela.

Para se ter uma idéia de que esta lei foi feita somente para os cidadãos indefesos, tivemos recentemente em Curitiba, capital do Paraná, um acidente que matou dois jovens e que foi provocado por um deputado deste Estado, com seu carro com velocidade em torno de 190 Km / h, que estava altamente alcoolizado. Pior é que este deputado estava sem permissão para dirigir e deveria ter sua carta de motorista caçada, pois tem muitas multas de trânsito por excesso de velocidade.

Este acidente acabou por evidenciar que a maioria dos deputados deste Estado também não poderia estar dirigindo, pois também têm em seus prontuários uma lista enorme de multas. Até um ministro, oriundo deste Estado, acabou aparecendo com seu prontuário repleto de multas e portando deveria estar impedido de dirigir.
É mais uma lei feita para os cidadãos normais e não para os “deuses’ deste nosso país.

Imóveis adaptados para crianças e idosos já é necessidade

A indústria imobiliária brasileira talvez ainda não tenha se despertado para um nicho de mercado que acredito será muito promissor nos próximos anos. Trata-se de imóveis feitos ou adaptados para famílias que possuem crianças ou idosos.

Nossas casas e apartamentos não são feitos para estas idades e contém verdadeiras armadilhas e empecilhos para eles. Janelas ou varandas sem proteções; dispositivos mal dispostos, como tomadas e chaves elétricas; vasos sanitários que dificultam seu uso; falta de corrimões para apoio nos ambientes; escadas em excesso; desníveis entre os ambientes, pisos lisos ou que usam tapetes e outros tantos obstáculos e situações de perigos impostas a essas idades.

As estatísticas apontam para o crescente aumento do número de idosos no Brasil. Eles necessitarão de imóveis preparados para facilitar a sua vida.
Está aí um grande mercado de imóveis para um futuro breve ou podemos até dizer para um presente imediato.

A transposição do Rio São Francisco e as enchentes de Santa Catarina

Ambientalistas são contra qualquer ação do homem que mude a natureza, porém muitas vezes ela é necessária para um mundo melhor.
Vendo uma reportagem na TV, um fato me chamou a atenção. No nordeste brasileiro, uma obra polêmica, que muita controvérsia tem gerado, com argumentos contra e a favor, inclusive com greves de fome de um bispo e forte intervenção militar, a transposição do Rio São Francisco se diz necessária para irrigar terras. Com as enchentes devastadoras em Santa Catarina, a reportagem relembrou que existe projetos, engavetados há anos, para se fazer a transposição do rio que banha o Vale do Itajaí, que levaria o excedente de água, em caso de grandes chuvas, para o mar, evitando assim as trágicas enchentes que há anos vem vitimando a região.
Basta as águas baixarem um pouco e tais projetos já são engavetados novamente. Gasta-se muito mais depois, quando os desastres acontecem.
Esse é nosso Brasil !

A catástrofe das enchentes no Estado de Santa Catarina

O Brasil não é um país de grandes catástrofes naturais, porém de vez em quando aparece alguma inesperada, como as enchentes que tanto estrago e vítimas causou em Santa Catarina neste ano de 2008.
Estas enchentes já trouxeram grandes prejuízos e vítimas em 1983, quando o vale do Itajaí foi duramente castigado. Em razão daquela catástrofe surgiu uma das festas mais tradicionais do Brasil, que é a Octoberfest em Blumenau. Esta festa foi criada para auxiliar na recuperação da região, após aquela grande catástrofe.
Que Deus tenha piedade dos habitantes desta região, um povo ordeiro, trabalhador e muito importante para todos nós brasileiros.

AVC – acidente vascular cerebral, o famoso derrame cerebral

Uma das maiores causas de mortes no Brasil, não exclui classes sociais e nem mesmo faixas etárias. Pode ocorrer em qualquer idade e normalmente não avisa quando vai ocorrer.
O derrame ou AVC é causado é causado pela falta de irrigação de sangüínea no cérebro, seja por um rompimento ou entupimento de vaso. Ocorre morte dos neurônios da área afetada e se o paciente não for atendido a tempo pode provocar lesões mais graves e levar à morte.
A melhor maneira de evitar a doença é cuidar com os fatores de risco, como obesidade, hipertensão, diabetes e colesterol alto. Poucas pessoas monitoram estes itens e quando menos se espera são vítimas de AVC. Esses itens são causados por falta de cuidados na alimentação, como muito sal, comidas gordurosas, muita massa e outros alimentos não recomendados e também pela falta de exercícios físicos, fumo e estresse.
Os sintomas mais comuns são a tontura, dores de cabeça, perda de visão, dificuldade na fala, dormência em braços e pernas, náuseas.
Pode ocorrer em qualquer sexo e em qualquer idade, mas é mais comum nos homens acima de 60 anos.

Jet Sky o esporte de ricos

O verão está chegando e logo começará a temporada de praias. O mar é sempre um encanto. Nossas praias ficam lotadas, parece até que toda a população para lá se desloca todos os anos. A temporada consegue movimentar a economia de maneira geral. Hotéis, transportes, restaurantes, barzinhos e o comércio em geral, até os vendedores ambulantes, que servem aos preguiçosos da areia.
O número de Jet Skys também tem aumentado muito em nossas praias, fazendo suas manobras arriscadas e encantando os banhistas.
Anos atrás tiveram um grande promotor, quando um Presidente da República se tornou o “garoto propaganda”, exibindo algumas proezas em nossas praias. Porém sempre há os irresponsáveis e imprudentes, que se aproximam dos banhistas e causam graves acidentes. Também temos vistos os guarda-vidas fazer deles um excelente instrumento para proteção dos banhistas mais incautos e atrevidos.
É um esporte que requer muitos recursos, para a aquisição, manutenção, transporte, armazenamento e outros gastos que ele causa. É só para os ricos.

Aventura de baloeiro – Corpo de padre Adelir de Carli é encontrado e enterrado no Paraná

O homem sempre quis imitar os pássaros. Inúmeras aventuras são conhecidas na história. Até que surgiu Santos Dumont e a partir daí todos sabem onde chegamos.
Mas com toda a tecnologia atual ainda surgem os aventureiros, como se vivessem a alguns séculos atrás, como é o caso do padre aventureiro no Paraná Adelir de Carli, que quis atravessar o Estado, saindo de Paranaguá, voando com aproximadamente 1000 balões de festas com gás hélio, no dia 20.04.2008 e morreu no mar, pois os ventos tomaram o sentido contrário do planejado pelo padre.
Seu corpo foi encontrado em final de julho, em Macaé no litoral do Rio de Janeiro, levado por correntes maritimas. Finalmente seus familiares tiveram seus corações mais confortados com o encontro do corpo do religioso, que após as cerimônias na Paróquia de Paranaguá no dia primeiro de agosto, onde atuava, será enterrado em sua cidade natal de Ampére no Paraná.
Que o gesto do Padre sirva de exemplo, para que outros saibam o limite entre a ousadia e a burrice!
baloes-padre-adelir-de-carli.JPG

A lei seca – tolerância zero para bebidas no trânsito

O Brasil todo está ainda surpreso com a lei que traz tolerância zero aos motoristas com as bebidas alcoólicas. Pronunciamentos prós e contras ouvimos todos os dias. Uns acham severa demais outros já acham que era necessário.
A verdade é que ninguém está proibido de beber, mas sim de dirigir embriagado. Acho isso muito positivo.
Esta medida está refazendo os hábitos de muitas pessoas. Mas acho que só isso não basta, pois deveria a medida ser mais abrangente e se fazer exames toxicológicos também e não só alcoólicos, pois é normal se ouvir sobre gravíssimos acidentes causados por motoristas sob efeitos de drogas. Dizem que motoristas de caminhão em sua maioria viajam dopados, sob efeito de comprimidos chamados de “rebites” e agora há até denúncias que muitos usam até cocaína para poder viajar mais horas sem dormir.
Outro problema será o da propina, pois nosso policiamento já anda muito corrupto e agora, com a valorização do problema, mais argumentos para eles, que poderão até aumentar o cachê.

Os erros de abordagens policiais, a quem culpar?

Nos últimos dias têm tomado espaço dos noticiários os erros de abordagens policiais, que causaram mortes de pessoas inocentes. No Rio de Janeiro tivemos vários casos em poucos dias, o mesmo têm acontecido no Paraná e outros Estados.
O pior é que prendem os policiais envolvidos, sobre eles jogam toda a culpa, e se esquecem de prender seus chefes e os políticos, que investiram pouco ou quase nada em seus treinamentos.
Ou muda isso ou a população terá que se apegar aos bandidos para se defender dos políticos e da polícia!