Category Archives: Aids

Aids e a proteína BanLec da banana

Pesquisadores da Escola de Medicina da Universidade de Michigan, nos Estados Unidos, descobriram uma lectina de nome BanLec, existente na banana, que é um inibidor natural do HIV “tão potente quanto duas das principais drogas utilizadas atualmente no tratamento da doença”.
A BanLec pode ligar-se à cobertura rica em carboidratos do vírus e bloquear sua propagação no corpo humano.
Dizem que a vantagem da BanLec é que mesmo com a mutação do vírus ela continua atuante e também é mais barata que as outras drogas atualmente usadas.
È o progresso da medicina em busca de livrar a humanidade deste terrível mal.

A cura da Aids com transplante da medula óssea

A aids, que tanto tem assustado o mundo todo nos últimos anos, parece perder força como doença mais perigosa, deixando ainda o câncer no topo do ranking.
A cada dia que se passa, com a dedicação intensa dos pesquisadores da área da saúde, descobrem-se medicamentos e tratamentos que geram grande expectativa para se debelar esta doença, que nas últimas décadas vem ameaçando toda a humanidade.
Uma das últimas e boas notícias veio da Alemanha, onde um médico diz ter exterminado os vírus do HIV de um paciente, que sofria de leucemia e também era portador do vírus de HIV.

Ao tratar seu paciente de leucemia com o transplante de medula óssea, descobriu que também havia acabado com a presença do vírus do HIV. Segundo o médico, outros casos semelhantes também tiveram o mesmo resultado, aumentando a convicção no tratamento.

Se realmente isto se confirmar, é mais uma porta aberta para se combater esta terrível doença.
Talvez em alguns anos esta doença não se transforme em mais uma das enfermidades parecida com os resfriados!

Comércio de remédios no Brasil não tem ética

Em qualquer lugar se compra remédios no Brasil. Há um monte de farmácias por todos os lugares. Até em bancas de revistas e lanchonetes de paradas de ônibus se compra.
Nas farmácias não se exigem receitas médicas até para os controlados. É fácil consumir qualquer destas drogas por aí. A ANVISA diz que controla, mas faltam recursos e fiscais até para os casos mais complicados.
Isso sem falar nos “moambeiros”, que agora já trazem remédios do Paraguai e até fazem receitas para a população, sem conhecer a verdadeira procedência, as aplicações e até mesmo os efeitos colaterais de tais drogas. Basta ver todas as semanas nos noticiários as prisões efetuadas pela polícia de pessoas vendendo estas drogas, que dizem causar abortos, combater à impotência, analgésicos e até emagrecedoras.

Manter a virgindade ainda é fundamental ?

Os costumes e a moral mudaram muito. Até a legislação ficou defasada. O machismo está um conceito ultrapassado. A legislação anda muito devagar e não consegue acompanhar a contento. Recentemente foi sancionada a lei Maria da Penha, para punir a violência contra a mulher, que ainda é considerada como ato normal no Brasil, mas parece que a sua aplicação ainda não deu muitos resultados. Vemos a violência contra a mulher sendo praticada a todo momento. Mas o pior é que a própria mulher algumas vezes também age dessa forma. Recentemente vimos o caso de uma delegada e uma juíza que mantiveram uma adolescente presa juntamente com homens na mesma cela.
Mas o tabu da virgindade parece já ter sido suplantado. Hoje os homens já não se preocupam se a mulher ainda é virgem ao se casarem. Acho isso um grande avanço. Acredito que mais importante que se preocupar com o conceito de virgindade é para os pais, família, escola e a sociedade como um todo, se preocuparem em ensinar às adolescentes os cuidados que se deve ter para não engravidarem de maneira indesejada ou para não contraírem doenças transmissíveis pelo ato sexual.

A impotência sexual e o viágara.

Muitas são as doenças do nosso século. O câncer ainda não se encontrou a solução. Cientistas buscam a solução para a Aids. A depressão, a insônia e outras doenças atingem milhares de pessoas de todos os sexos e idades. Mas até pouco tempo ninguém se importava com a impotência sexual, um mal que atinge a maioria dos homens com mais de quarenta anos.
A vida moderna, muito agitada, com os problemas de grandes pressões no trabalho e a maior exigência consumista, leva o homem a um stress e à impotência sexual.
Surgiu recentemente o viágara e seus similares, que tem ajudado um pouquinho muita gente. Porém, sabe-se que quem mais usa isso não tem sido os de mais idade e sim a garotada com menos de vinte anos.
A facilidade os leva à essa ajudinha, muitas vezes ainda desnecessária !

O Gel vaginal para prevenir do vírus causador da aids

A professora de Biologia Marinha Valéria Laneuville Teixeira, do Instituto de Biologia da Universidade Federal Fluminense (UFF), conseguiu isolar o composto químico (dolabelladienetriol) extraído da alga marinha parda, encontrada em grande parte da costa brasileira. O composto foi transformado em um gel pelo professor Luiz Roberto Castello Branco, da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), do Ministério da Saúde, parceiro no projeto. Este gel está sendo pesquisado e poderá se tornar em um grande avanço na prevenção contra a aids.
O único empecilho ainda é seu alto custo, pois as algas tem que ser retiradas do meio ambiente, porém já está se fazendo estudos para o seu cultivo, o que poderá baratear muito o produto e se tornar bem viável comercialmente.
O Instituto de Biologia da UFF já iniciou testes em camundongas. Mas, para que o gel vaginal possa ser comercializado, é necessário que sejam feitos também testes clínicos, isto é, em pacientes com aids. Os cientistas informam que deverão ser efetuados testes em células humanas de colo de útero. A previsão é de que a fase clínica tenha início em 2009 ou 2010.