Category Archives: Cigarro

O cerco aos fumantes

No mundo todo o combate ao tabagismo se intensifica, com as autoridades tomando as medidas preventivas e punitivas. Leis são criadas em todos os lugares no sentido de se coibir o vício do tabagismo.

Até poucos anos atrás as propagandas mais caras eram ligadas a cigarros, aqui no Brasil. Restrições foram impostas e já não vemos na TV estes incentivos à prática deste vício.

De fato, em outros tempos, nossos governantes até admitiam, pois viam no faturamento dos impostos uma grande vantagem, até perceberem que os gastos com a saúde dos fumantes superam em muito a arrecadação com os impostos, sendo muito melhor para os cofres públicos uma população isenta de tal vício.
O governo do Estado de São Paulo já tem lei que proíbe fumantes em lugares públicos, restringindo somente para determinadas situações.

O Estado do Paraná também já está prestes a ter este mesmo tipo de lei, restringindo e punindo severamente os fumantes e donos de estabelecimentos que permitirem a prática do tabagismo, exceto em certos lugares determinados pela legislação.

Os não fumantes agradecemos!

AVC – acidente vascular cerebral, o famoso derrame cerebral

Uma das maiores causas de mortes no Brasil, não exclui classes sociais e nem mesmo faixas etárias. Pode ocorrer em qualquer idade e normalmente não avisa quando vai ocorrer.
O derrame ou AVC é causado é causado pela falta de irrigação de sangüínea no cérebro, seja por um rompimento ou entupimento de vaso. Ocorre morte dos neurônios da área afetada e se o paciente não for atendido a tempo pode provocar lesões mais graves e levar à morte.
A melhor maneira de evitar a doença é cuidar com os fatores de risco, como obesidade, hipertensão, diabetes e colesterol alto. Poucas pessoas monitoram estes itens e quando menos se espera são vítimas de AVC. Esses itens são causados por falta de cuidados na alimentação, como muito sal, comidas gordurosas, muita massa e outros alimentos não recomendados e também pela falta de exercícios físicos, fumo e estresse.
Os sintomas mais comuns são a tontura, dores de cabeça, perda de visão, dificuldade na fala, dormência em braços e pernas, náuseas.
Pode ocorrer em qualquer sexo e em qualquer idade, mas é mais comum nos homens acima de 60 anos.

Os males do cigarro e o combate ao tabagismo. O cigarro eletrônico

Todos sabem o mal que o cigarro faz à saúde humana, porém as pessoas continuam aderindo a esse vício. Os governantes de todo o mundo já perceberam o quanto custa o vício de alguns ao resto da sociedade. Muito dinheiro público é gasto com essa gente. Quer seja na saúde, quer seja em propagandas antitabagismo. Em todo o mundo, governos apertam o cerco contra os fumantes e rigorosas leis anti-tabaco são criadas.
O pior de tudo é a falta de respeito dos fumantes com as outras pessoas em volta, que se tornam fumantes passivos.
Para driblar esse combate e continuar faturando em cima dos viciados, agora criaram o tal “cigarro eletrônico”. Você o fuma como se fosse um cigarro comum. No momento em que você faz força para inalar, uma pequena bateria vaporiza um líquido dentro do cigarro, produzindo fumaça. Você tem a opção de escolher a carga de nicotina que quer fumar, ou simplesmente escolher apenas soltar fumaça pela boca. A fumaça oriunda é só um simples e inofensivo vapor, prometem os criadores do tal cigarro.
Isso resolve só parte dos problemas, pois o mal que a nicotina continua causando aos viciados não é eliminado e os custos ao resto da sociedade continuam existindo.

Os 10 mandamentos para prevenir e controlar a pressão alta

A pressão alta é uma doença que causa grandes danos à saúde da pessoa e a maioria delas com uma certa idade a possuem e não controlam.
Listamos abaixo algumas regras básicas para prevenir e controlar esse grande mal :
01 – Meça a pressão pelo menos uma vez por ano.
02 – Pratique atividades físicas todos os dias.
03 – Mantenha o peso ideal, evite a obesidade.
04 – Adote alimentação saudável, com pouco sal, sem frituras e mais
frutas, verduras e legumes.
05 – Reduza o consumo de álcool. Se possível, não beba.
06 – Não fume.
07 – Se estiver fazendo o tratamento, não pare. É para a vida toda.
08 – Siga as orientações de seu médico ou profissional da saúde.
09 – Evite o estresse. Tenha tempo para a família, os amigos e o lazer.
10 – Ame e seja amado.

O cigarro, as propagandas e as campanhas contra o tabaco

Há alguns anos atrás as propagandas mais bem elaboradas e formosas eram de marcas de cigarros. Leis e campanhas vêm lutando contra tudo isso. Mas a luta é árdua.
As empresas do tabaco sempre vinculam o vício à falsa imagem de sucesso e normalmente ligadas a esportes, para atrair os jovens que ainda estarão a disposição por muitos anos como consumidores.
Agora a legislação brasileira obrigará a vinculação de imagens fortes e contrárias ao vício em maços de cigarro. É mais uma medida, mas ainda é pouco.
Acho que o melhor mesmo é um trabalho junto às escolas e na mídia, que a longo prazo conscientizará as crianças, os jovens e a população de modo geral.

O cigarro e o câncer de pulmões

Milhares de pessoas são acometidas de câncer nos pulmões em todo o mundo anualmente. O tabagismo tem sido apontado como o grande vilão desta doença.
Cientistas, em dois novos estudos, relacionam uma variação em um gene localizado no cromossomo 15 (dos 23 pares de cromossomos que temos) a um risco mais alto de desenvolver câncer de pulmão. A nova pesquisa, publicada tanto na Nature quanto na Nature Genetics, indica que pessoas com essa falha genética têm uma chance 30% maior de desenvolver câncer de pulmão. Um terceiro estudo também aponta que esta mutação seria responsável também pela maior facilidade de dependência à nicotina.
Vamos torcer para que destes estudos surjam remédios ou vacinas para cura deste câncer e até mesmo para se tirar o vício do tabagismo.

Os perigos do AVC, o derrame cerebral

O AVC ( acidente vascular cerebral ), conhecido popularmente como derrame cerebral, é uma doença com muita incidência, porém as pessoas não dão a devida importância a ela. Pode ocorrer em qualquer idade, porém tem mais incidência após os 40 anos.
Ela ocorre quando um coágulo de sangue interrompe um vaso do cérebro ou quando há o rompimento. Isso faz com que alguma parte do cérebro deixe de receber o sangue, ocasionando desta forma perda de partes do comando, afetando funções importantes, como a fala, movimentos, etc.
As causas são muitas, mas a mais conhecida é a pressão sanguínea elevada, que pode ser ocasionada por diversos fatores, como alimentação com muito sal, muito consumo de bebidas, tensão nervosa, falta de exercícios físicos e outros.
O AVC tem aumentado muito entre as mulheres e entre as causas já citadas inclui-se o uso cada vez mais cedo de pílulas anticoncepcionais, cigarro e o stress nervoso, pela sua luta no mercado de trabalho.