Category Archives: Comunicação.

Celular com tradução de idiomas

A tecnologia anda a ritmo acelerado mesmo. Quando pensamos que não haverá mais novidades, somos logo surpreendidos.

A área dos eletrônicos é onde mais tem aparecido as inovações, principalmente em se tratando de comunicações. Desde quando apareceu a telefonia celular não pararam as surpresa. A concorrência neste setor tem puxado os avanços.

Não demorou muito para que se juntassem as áreas de telefonia e da informática nos aparelhos celulares. Hoje parece que já é uma tecnologia consolidada. Aparelhos cada vez menores e mais leves, além de mais completos e unificadores, fazem quase tudo.

Mas sempre surgem inovações, quando pensamos que não haverá mais nada.
Agora uma fabricante da área apresentou um aparelho de celular com um software que faz a tradução de um idioma para outro. A pessoa fala em um idioma e a ouvinte ouve no outro. Basta clicar uma tecla para se traduzir no idioma desejado.

Isto é incrível! Se nos tempos antigos já houvesse essa tecnologia, não teria havido aquela confusão da torre de Babel!
Ainda vou ver muita coisa, antes de partir.

Pesquisas eleitorais

Cada ano eleitoral o cidadão brasileiro tem que conviver com esta verdadeira guerra das controvertidas pesquisas eleitorais.
Até cabe a pergunta: quem nasceu antes, a posição do candidato na pesquisa ou foi a pesquisa que levou o candidato àquela posição? Parece a questão de quem surgiu antes se foi o ovo ou a galinha.
As pesquisas são muito questionáveis. Onde foi feita a pesquisa? Por exemplo, se a pesquisa for feita no nordeste brasileiro é claro que não importa o número de entrevistados, as cestas básicas e as cotas impostas pelo Lula vão dar vitória à guerrilheira que ele quer enfiar goela abaixo de todos os brasileiros.
Os candidatos e os partidos sempre contratam os institutos que lhes interessam. Aqueles que são mais tendenciosos aos seus interesses e dessa forma vão induzindo os eleitores.
Isso deveria ser proibido, para que as eleições ocorressem mais baseadas nas propostas dos candidatos e menos pela indução das pesquisas eleitorais.
Mas enquanto isso não acontece temos que carregar essas malas que o povão elege só por uma cesta básica, uma bolsa família ou uma cota na universidade.

Porque a WEB está com os dias contados?

Uma reportagem que ouvi estes dias chamou minha atenção. Um especialista em tecnologia da informação comentava sobre o futuro da WEB. Segundo ele o sistema atual estaria com os dias contados e especialistas de todo o mundo já estudam um substituto.
Ele comentava sobre a saturação do sistema e os perigos de se ter uma pane em setores importantes, por conta desta saturação e até por ação de rackers,

Vírus, spams e tantos outros problemas, cada vez mais sofisticados, podem se proliferar e gerar multiplicações em série, vindo a dar pane nos sistemas de vários setores do mundo todo.

Está vulnerabilidade assusta muito, pois no mundo globalizado isto terá conseqüências desastrosas, caso venha a acontecer.

O combate à pedofilia

Nos últimos tempos temos visto nos noticiários histórias de pedofilias inacreditáveis. Mas será que estes casos aumentaram? Acredito que não. Sempre existiram em grande quantidade tais casos, porém pouca atenção se dava aos mesmos.

Porém os anos são outros e agora a própria sociedade está mais corajosa e não teme mais denunciá-los. As próprias famílias, que em outros tempos acobertavam estas histórias, agora se dispõem a torná-las públicas.

A própria imprensa tem colaborado nesta verdadeira guerra contra esse crime horrível, fazendo campanhas de combate e denúncias em seus veículos de comunicações, encorajando mais ainda para que não sejam acobertados esses casos.
Iniciativas das autoridades, modificando e tornando mais severas as leis, também podem contribuir para acabarmos com esses monstros que vivem entre nós, maltratando nossas crianças.
Cada cidadão tem o dever de contribuir, por menos que seja, para impedir e combater esses criminosos, colocando-os na cadeia.

O poder da propaganda

Tratar com a população realmente é uma ciência. Por isso há muitos anos se tem estudado a mente humana, mas ainda estamos longe de decifrá-la por completo.
Daí a razão porque se tem dado tanta importância para a propaganda. Ela é poderosa. Já fizeram uso dela para o bem e para o mal. Na segunda guerra mundial o Nazismo a usou para conseguir mobilizar a população alemã e convencer quase o mundo todo. Recentemente o agora banido, aquele Nero dos nossos tempos, o alcoólatra e Presidente dos EUA, provocou uma invasão com enforcamentos e muitas mortes até de inocentes, que acontecem até hoje, no Iraque, que todos sabem que as tais armas químicas não existiram, muito embora a propaganda conseguiu convencer muitos governantes inocentes ou não, pois sabemos que os interesses lá envolvidos são outros, puramente comerciais.
A propaganda consegue caracterizar certos produtos e colocar na cabeça do povo, que esquecem que aquele nome é apenas uma marca. É o caso da “Champagne”, que agora se comercializa por aqui como “Vinhos Espumantes”; “Gillete”, que na verdade é “Lâmina de barbear”; “Bom Bril” como “Esponja de aço” e outras tantas.
É o poder da propaganda que consegue impor uma marca.

Retrospectiva 2008

O final do ano está chegando. Os períodos escolares terminando, os campeonatos definindo os campeões e os rebaixados, as empresas entrando em férias coletivas. Só resta curtir as festas de natal e esperar o novo ano.
O próximo ano será de reconstrução. O mundo todo necessitará de realinhamento.
Mas meu propósito aqui neste texto é lembrar que novamente vamos enfrentar aqueles horrorosos programas de “retrospectiva”. Já estamos saturados de certos assuntos que dominaram a mídia por longos períodos e teremos ainda que suportá-los nestas programações sem nenhuma criatividade.
Certamente ouviremos nelas o caso “Izabela”, “ Lindomar e Eloá”, “Crise financeira mundial e quebradeira de bancos”, “Eleição do primeiro negro nos EUA”, “Enchentes em SC”, etc, etc…
Depois de um ano exaustivo ninguém merece ver tudo isso novamente!

Você apóia os tribunais de conciliações e as teleconferências na justiça brasileira?

Creio que os brasileiros necessitam e merecem grandes mudanças, para poder acompanhar os dias atuais.
Mudanças tributárias, pois temos uma excessiva carga de impostos, muitos reincidentes, que não retornam em benefícios, como seria o seu real objetivo.
Mudanças políticas, pois estamos diante de um estado formatado em tempos de ditadura, para atender suas conveniências do momento, pouco representando nos dias atuais, onde um pequeno e pobre estado tem a mesma representação na nossa República que um pujante São Paulo ou outro, que carregam este país nas costas.
Muitas outras mudanças nós precisamos, como na área educacional, segurança e principalmente de ética em geral, desde o próprio cidadão até os mais altos políticos, que pouco representam o povo e muito mais se acham voltados para seus próprios interesses ou de seus grupos.
Mas acredito que a principal mudança que necessitamos com urgência é na Justiça brasileira. Desde os tempos de império esta casta se acha detentora de privilégios intocáveis, acima de todos os outros cidadãos, merecedores dos mais altos salários e mordomias, sustentados pelo sofrido trabalhador brasileiro, que quando a ela recorre é menosprezado e vê os anos passarem e muitas vezes vai embora desse mundo sem ver a solução para seus problemas.
Entulhada de processos, em parte pela displicência com que este poder desenvolve suas responsabilidades e em parte pela excessiva burocracia, ineficiência e falta de objetividade de nossas leis, vemos uma justiça inoperante e até inútil.
Creio também que muitas das ações não deveriam seguir caminho e serem resolvidas entre os próprios cidadãos, através do bom senso. Aí que entram os chamados tribunais de pequenas causas e de conciliações, que deveriam receber mais apoio e consideração.
A justiça também teria que acompanhar o progresso tecnológico e se utilizar mais dos recursos disponíveis, com teleconferências evitariam grandes gastos com deslocamentos de criminosos e aliviariam o bolso dos cidadãos de bem.
E você, que pensa disso?

Banda larga sem fio WiMax já está sendo testada e implantada no Brasil

Antigamente, quando queríamos ressaltar um avanço no desenvolvimento, fazíamos referência aos tempos de nossos avôs. Agora tudo mudou. Nos próximos anos o mundo será muitíssimo diferente do vivido pelos nossos pais e até por nós mesmos.
As comunicações tem sido um dos principais responsáveis por essa verdadeira revolução do mundo atual. A telefonia móvel e a internet caminham juntas nesse assunto. Encurtam o tempo e as distâncias e praticamente multiplicam as pessoas, quando as tornam onipresentes, podendo ter seu escritório onde elas estão e tomar decisões importantes de qualquer lugar do mundo. O Planeta está se tornando pequeno com os progressos nesses dois campos.
A internet teve um avanço significativo com a criação da banda larga e do sistema Wi-Fi. Agora está se desenvolvendo um novo sistema, que promete se expandir rapidamente e tomar conta das comunicações e de transmissões de dados no mundo todo. Trata-se do sistema WiMAX, uma tecnologia de transmissão de dados em alta velocidade, de longo alcance e sem uso de fios. Esta tecnologia permite conexões em alta velocidade com a Internet em dezenas de megabits por segundo, mais rápido que o WiFi, que funciona somente em curtas distâncias. Ela irá proporcionar o mesmo tipo de banda larga na estrada como se você estivesse em casa. A tecnologia de transmissão de dados em alta velocidade WiMax é mais veloz e tem maior alcance que o Wi-Fi e permite a oferta de banda larga em locais de difícil acesso ou onde não é viável utilizar rede de cabos ou fibras ópticas.
As seis grandes empresas de tecnologia, Alcatel-Lucent, Cisco, Clearwire, Intel, Samsung Electronics e Sprint, formaram uma aliança de patentes para encorajar a expansão do WiMAX, no mundo todo e afirmaram ter expectativa de que a criação de um pool de patentes ajude empresas envolvidas com o WiMAX a terem acesso a licenças de tecnologia patenteada a um custo previsível. Computadores avançados virão com a tecnologia embutida no final de 2008. Empresas como Nokia, Motorola e Samsung também trabalham em dispositivos móveis e infra-estrutura em WiMax. Estima-se que o número de assinantes WiMax chegue a até 100 milhões em quatro ou cinco anos.
No Brasil este sistema inicia os testes ainda em outubro de 2008 em São Paulo. Com duração de três meses, o teste poderá ser prorrogado por igual período dependendo dos resultados. Utilizando a freqüência de 2,5 gigahertz, o serviço vai oferecer acesso à Internet via banda larga com velocidade de 2 Mbps para download e 600 Kbps para upload. Os usuários precisarão instalar um modem WiMax, que é conectado à tomada elétrica para receber o sinal enviado ao computador. De acordo com as empresas envolvidas no projeto, a tecnologia WiMax em 2,5 gigahertz poderá estar disponível comercialmente no Brasil a partir do primeiro trimestre de 2009, se houver a homologação dos equipamentos.
A Telefônica, que pretende oferecer o serviço em complementação à sua rede de banda larga, tem testes previstos também no Rio de Janeiro, Curitiba e Porto Alegre.

Vem aí os E-READERs que prometem acabar com os livros impressos em papel

Gutemberg deve estar muito chateado, mas ele já contribuiu muito com a cultura do mundo, agora chegou a hora da sua aposentadoria.
A tecnologia atual, que com os computadores e a internet praticamente estão acabando com os meios de comunicações impressos, faz com que as notícias praticamente sejam em tempo real, economizando-se tempo e papel. Até as bibliotecas já estão sendo desprezadas, principalmente pelos estudantes, que fazem a maioria de suas pesquisas na internet.
Agora vem aí aquilo que promete ser um tiro de misericórdia nos livros impressos em papel e também nas editoras, trata-se dos livros em meios digitalizados. Os aparelhos chamados “e-readers”, que foram apresentados na última feira do livro, realizada neste mês de outubro de 2008 em Frankfurt na Alemanha, são leves e com capacidade para armazenar centenas ou milhares de livros, com a tecnologia de “tinta elétrica”, que forma as letras no visor em contraste com um fundo claro. O resultado, sem a luz de fundo dos computadores e celulares, é uma legibilidade muito maior, que não cansa a vista durante a leitura, com a vantagem que o texto pode ser mostrado em diversos tamanhos.
Seu funcionamento é praticamente o mesmo dos aparelhos de MP3. Basta plugá-lo no computador via USB e colocar um arquivo de texto na memória interna. Quase todos os aparelhos no mercado, inclusive, são também tocadores MP3, e softwares podem transformar qualquer e-book em audiolivro com facilidade.
sony-reader-prs-505.JPG

Criatividade tecnológica

Uma invenção útil e de grande simplicidade, que foi lançado este ano, é o gerador a corda de energia para gadgets portáteis Potenco PCG1. Ele precisa apenas que o usuário puxe uma corda para carregá-lo. Apenas 2 minutos desta atividade resultam em até 60 minutos de funcionamento de um iPod.
gerador-de-cordas-para-gadgets.JPG