Category Archives: Projetos

Gastos com a copa do mundo e olimpíadas no Brasil.

Já se passou muito tempo desde que o Brasil foi escolhido para sediar a copa do mundo de 2014 e as olimpíadas de 2016.

Muitas obras foram exigidas pelos comitês organizadores destes eventos e nossos governantes se comprometeram a executá-las no tempo hábil.

Porém todos sabem que estas obras já estão atrasadas por diversos motivos e que muitas destas promessas jamais serão cumpridas.

Alguns políticos de oposição até já propuseram que o Brasil desista de sediar tais eventos, alegando que não será possível cumprir com as promessas e porque o retorno de tais investimentos, para a sociedade brasileira, é questionável.

Alguns até dizem que tais atrasos são propositais, para servirem de argumentos de execuções a custos superfaturados e sem os devidos cuidados nos processos licitatórios, que é muito comum por aqui, infelizmente.

Esta cogitação, que muito aflige o povo brasileiro, parece se tornar uma realidade, pois foram aprovadas pela câmara dos deputados em Brasília, neste mês de junho de 2011, algumas medidas propostas pelo governo federal, incluídas malandramente numa medida provisória, que visam manter em segredo as estimativas de custos dos empreendimentos e outras medidas, que restringem a transparência destes gastos.

Todos sabem o resultado desta tragédia anunciada há muito tempo!!!

Trem bala brasileiro

Com a copa do mundo vindo para o Brasil, muitos projetos serão implantados. Uns são coerentes e benéficos, outros nem tanto.
Alguns empreendimentos não passarão de desperdício do dinheiro do povo, que a poucos servirão.

Um projeto que vem trazendo muita polêmica é o do trem bala, entre Rio de Janeiro e São Paulo. A candidata do governo se vangloria do tal projeto e o seu adversário oposicionista apresenta argumentos contrários, fortemente convincentes.

Para a candidata, o trem bala substituirá a ponte aérea entre os dois grandes centros urbanos, com grande economia de tempo e dinheiro aos usuários, pois as estações não precisariam ser distantes dos centros urbanos, como são os aeroportos.

Para o candidato oposicionista e para outros tantos, o dinheiro que será gasto neste projeto poderá ser usado de melhor maneira para resolver o transporte coletivo nestes centros, aplicando-se na melhoria do transporte coletivo, como metrôs, ônibus, trens urbanos e outras aplicações, que serviriam à maioria da população, principalmente a classe trabalhadora, ao contrário do trem bala, que serviria apenas a uma classe mais privilegiada.

Política à parte, a verdade é que realmente o investimento num projeto deste, que envolverá tantos recursos, há de ser bem analisado, verificando-se cuidadosamente o custo e benefício e se não há realmente outras prioridades, para as quais se tenha que direcionar os escassos recursos dos brasileiros, tão afogados com os altíssimos impostos e com tantas carências, não só quanto ao transporte coletivo, mas nas áreas de saúde, segurança, educação, habitação e tantas outras áreas desassistidas.

As mudanças no Lay out de nossa casa ajuda a combater a depressão

Dizem que para combater a depressão um dos remédios é sair da rotina. Sair de casa, formar novos amigos, viajar, fazer coisas diferentes.
Outra receita é também modificar o ambiente diário em que vivemos, a nossa casa. Uma simples mudança na posição dos móveis, ou até a substituição de alguns, uma nova pintura, com troca de cores. Substituição dos quadros das paredes e outras modificações no lay out do nosso lar melhoram nosso astral e nos dão força para sairmos do quadro depressivo, que muitas vezes temos e não nos damos conta disso.
Praticamente todos nós possuímos a doença do século.

O desperdiço de energia elétrica com chuveiros no Brasil

Estatísticas recentes demonstram que o Brasil é um dos lugares do mundo onde mais se usam os chuveiros elétricos. Até recentemente pouca importância se dava ao rendimento destes chuveiros, porém após o apagão elétrico ocorrido há alguns anos atrás a indústria nacional passou a tratar esse assunto com seriedade. Projetos de eletrodomésticos em geral passaram por mudanças significativas, visando à economia de energia e preservação do meio ambiente.
Mas isto não basta. O que necessitamos é de substituí-los por outras formas. Não estou insinuando que devem ser substituídos por aquecedores a gás, pois incorreríamos em outros problemas, uma vez que esse combustível é mais escasso em nosso caso e também esses tipos de aquecedores têm causado inúmeros acidentes com mortes.
Aquecedores solares seriam os substitutos mais adequados. Nosso território permite o aproveitamento dessa energia o ano todo. Hotéis, clubes, condomínios e até as residências poderiam se interessar mais por esse assunto. O governo deveria desenvolver programas educativos e até de financiamentos para instalações de painéis, bem como para desenvolvimento industrial dessa tecnologia.
Assim poderemos inverter em pouco tempo essa estatística e economizar enorme percentual de energia elétrica, que servirá para outros segmentos da nossa economia. É sabido que nosso potencial de instalação de hidroelétricas está se esgotando e outras fontes de produção de eletricidade, como usinas a gás, são muito onerosas.
Um projeto interessante de um engenheiro de Santa Catarina, para fabricação de sistemas de aquecimento solar, com painéis feitos de caixas usadas de leite longa vida e garrafas plásticas pets, que envolve pouquíssimos custos, tem sido adotado pelo governo do Estado do Paraná em seus programas habitacionais e também bastante divulgado, inclusive com palestras patrocinadas pelo governo em escolas e comunidades, através da secretaria do meio ambiente ( SEMA ). Além de se economizar na instalação, o projeto ajuda na reutilização das caixas de leite e das garrafas pets, grandes poluidoras do meio ambiente.

Energia elétrica de fezes de porcos

A concessionária de energia elétrica do Paraná, a COPEL, vem participando ativamente em prol do meio ambiente. Após participar de projetos de desenvolvimento de carros elétricos, agora vai iniciar projeto piloto para produzir energia elétrica a partir do biogás gerado pelas fezes de porcos.
A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) autorizou nesta terça-feira, 29.07.2008, o início deste projeto, que deverá ser instalado na região do lago da hidrelétrica de Itaipu e poderá gerar o equivalente a 270 quilowatts (kw). Essa energia é suficiente para abastecer cerca de 50 residências, segundo os técnicos.
Além do benefício da energia, o desenvolvimento deste projeto poderá contribuir para diminuir a poluição dos rios próximo aos criadouros.

O vidro e a vida moderna

Muitas invenções se tornaram importantes para a vida do ser humano. A roda, o aço, o parafuso, os veículos automotores, os aviões, a tecelagem, a imprensa, o uso da alvenaria nas construções e muitas outras.
Mas uma invenção milenar e que pouco pensamos nela é a invenção do vidro. Inicialmente usado como obras de artes e para vasilhames diversos e hoje um dos produtos mais utilizados na arquitetura.
Uma tendência da arquitetura moderna é cada vez mais a utilização do vidro nas construções. A tecnologia desenvolvida permite cada vez mais resistência e transparência ao produto e também a visibilidade em apenas um sentido, razões para ser usado cada vez mais nas construções modernas.
Hoje em dia se fazem construções apenas com perfis metálicos e chapas de vidros, com montagens em pouco tempo, exigência dos tempos atuais.
Se fizermos o exercício da observação ao nosso redor, veremos quanto vidro existe em nossa vida.

Decoração da casa e do apartamento

Tem pessoas que pouco se importam com o ambiente em que vivem, basta um teto e o sossego. Outras ao contrário, nunca estão acomodadas, querem sempre fazer uma modificação na sua moradia.
Conheço uma pessoa que pinta sua casa quase quatro vezes ao ano. Outro já faz três anos e ainda não conseguiu pintar seu apartamento, pois quando termina de pintar uma peça, recomeça tudo por não gostar do que fez.
Umas pessoas abarrotam sua residência com móveis, quadros e tudo o que acham pela frente, mas isso nem sempre deixa aconchegante o ambiente. Na maioria das vezes as coisas mais simples são as que dão mais tranqüilidade à nossa vida.

Os condomínios residenciais de luxo

Os contrastes vistos em grandes cidades são verdadeiras afrontas. Tanto vemos barracos de favelas como luxuosas mansões, demonstrando claramente a má distribuição da renda entre a população.
Cada dia surgem mais condomínios residenciais de luxo, para uma minoria privilegiada. São verdadeiras ilhas dentro de uma cidade. Procuram se isolar do restante da população, movidos pela comodidade e medo. Nesses condomínios há de tudo, salões de belezas, salas de ginásticas, massagens, piscinas e alguns possuem até lojas.
Acham que basta se isolar que estarão isentos da violência e nada fazem para melhorar as condições de vida da maioria.

O etanol e as usinas de álcool no Brasil

O governo brasileiro tenta vender ao mundo o combustível proveniente da cana de açúcar, o etanol. A crise de alimentos impõem algumas restrições, pois alegam que com as terras sendo utilizadas para o plantio da cana não se plantaria outros alimentos ou que as terras da amazônia brasileira seriam utilizadas para plantio de cana ou outros produtos, expulsos das terras do sul do país.
Com esses argumentos rebatidos, países compradores em potencial do nosso etanol, principalmente os europeus, justificam sua apreensão pela expansão da nossa produção pelo uso de trabalho quase que escravo da mão de obra utilizada no cultivo e corte da cana, além das queimadas poluidoras.
Isso é uma verdade, mas há de se considerar também que gradativamente o cultivo da cana do Brasil tem sido mecanizada, com a substituição das queimadas e do corte manual.
Mas o que fazer com essa mão de obra, que pelo seu baixo preparo terá grande dificuldade para recolocação ? Certamente irão se somar às outras, já expulsas de outras culturas que foram mecanizadas e hoje formam as favelas nas periferias da maioria das cidades brasileiras, trazendo grandes problemas sociais.
Se não for bem planejado, esse projeto mais uma vez vai favorecer os grandes e principalmente grupos multinacionais, que retirarão riquezas das nossas terras e o povo brasileiro ficará só com o ônus desse empreendimento.

Energia eólica em edifícios

O mundo todo anda empenhado na busca de energias limpas e renováveis. O Brasil com o biodiesel e outros paises com outras modalidades, como energia eólica, solar e até aproveitamento das ondas do mar.
No mês de abril de 2008 foi inaugurado no Bahrein o primeiro conjunto comercial do mundo equipado com turbinas de vento para gerar eletricidade, que deve prever de 11% a 15 % da energia elétrica consumida pelo prédio.
Agora só falta os pesquisadores descobrirem uma maneira de aproveitar a enorme quantidade de energia elétrica gerada pelas nuvens e descarregada através de raios sobre a terra.
energia-eolica-baherein.JPG